Esporte no Ceir é uma prática de superação para piauienses com deficiência

Repórter: Jessyca Mazza

whatsapp-image-2018-06-25-at-10-52-54-pm
Espaço consegue reunir diversas práticas e agregar diferentes públicos atendidos pelo Centro de Reabilitação. (Foto: Jessyca Mazza/ Portal Luneta)

O esporte é mais do que uma fonte de saúde. É também um lazer, uma forma de esquecer os problemas, liberar e reduzir o estresse, assim como também é um meio de inclusão. Pessoas com deficiência física ou intelectual enfrentam inúmeras dificuldades, sejam elas na falta de estrutura em transportes e estabelecimentos ou mesmo as dificuldades sociais de aceitação e inclusão.

O Centro Integrado de Reabilitação (Ceir) trabalha com a reabilitação e socialização da pessoa com deficiência. Há alguns anos, o esporte é uma importante ferramenta de inclusão. Childerico é educador físico e trabalha no Ceir com pessoas com deficiência, utilizando o esporte para isso. “Imagino que o nosso papel como educador físico é disseminar o paraesporte, tanto para o paciente com deficiência como para o profissional”, conta ao Luneta.

Modalidades

A natação, capoeira e o basquete foram os primeiros esportes levados ao centro. Após a coordenação do espaço perceber a necessidade de incluir mais alunos, o número de modalidades foi ampliado. Hoje, além dos três esportes que deram início a esse projeto, o futebol de amputados passa a completar as opções de atividades esportivas no Ceir.

A implantação dos esportes começou por meio de testes aperfeiçoados, na medida em que os alunos respondiam de forma positiva aos resultados das aulas. “Temos pacientes com as mais diversas deficiências. Então, não acho justo limitar a quantidade de esportes. Se oferecermos a natação e o paciente não gostar de nadar, deve haver outras possibilidades. O deficiente também deve ter acesso à atividade física e por isso resolvemos ampliar a gama de esportes, com uma maneira de não afastar o deficiente da atividade física”, conta Childerico.

Apesar de a instituição trabalhar originalmente com fins de reabilitação, foram observados aperfeiçoamentos nas capacidades esportivas de alguns alunos, que atingiram elevados níveis e demonstraram habilidade com o esporte praticado. Childerico conta que essa foi uma forma de agregar a superação nas finalidades do Centro.

“Tivemos a oportunidade de estar com a superintendência da instituição para mostrar esses pacientes que tinham habilidades extras em relação a outros e nos foi dada a autorização de convidá-los a fazerem um algo a mais. E nisso não somos mais apenas reabilitação e inclusão, mas também superação. E, para a nossa surpresa, os pacientes atenderam ao nosso chamado e hoje temos atletas que ao longo de cinco, seis anos são os melhores do Norte e Nordeste”, relata.

Dificuldades

Quanto às dificuldades, o supervisor fala que elas são inúmeras, assim como aquelas vistas em qualquer outro esporte que não se enquadra no paraesporte. Um dos principais problemas diz respeito a encontrar patrocínio para esses paratletas, destacando, ainda, as questões relacionadas ao transporte de alguns alunos.

Mas a vontade de vencer e de seguir em frente com o esporte na vida dessas pessoas faz com que o centro não desista de investir nos para-atletas, apesar de todas as dificuldades enfrentadas. O importante para os profissionais do Ceir e para os alunos é a continuidade no esporte, seja ele competitivo ou não.

A capoeira como esporte

whatsapp-image-2018-06-25-at-10-52-55-pm-1
Crianças e pais que frequentam o Ceir se reúnem com o professor para roda de capoeira. (Foto: Jessyca Mazza/Portal Luneta)

Uma das práticas presentes no Ceir é a capoeira, que, apesar de não ter caráter competitivo no centro, é um esporte praticado por meninos e meninas, independente da deficiência que possuem.

A produção jornalística que você acaba de ler/ouvir faz parte do trabalho desenvolvido pelos estudantes da disciplina de Webjornalismo – 2018.1, administrada pela professora Dra. Juliana Teixeira. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.